domingo, 8 de março de 2015

Iniciando um Hobby

Não me lembro bem o porquê, mas em 2009 eu fiquei com muita vontade de construir um Detector de Metais.

Afinal, eu moro a 2 quarteirões da praia e ficava imaginando quanta riqueza deveria haver naquelas areias. Seria ótimo poder achar alguma coisa e talvez conseguir alguma renda extra, não é?

Bem, sou técnico em eletrônica e desde criança eu faço montagens, então não seria grande coisa achar um circuito e experimentar.

Só que para começar achei melhor fazer algo mais simples, com poucos componentes e fácil de fazer, e se desse certo partiria para algo mais complexo.

Fiz alguma pesquisa e percebi que haviam dezenas de circuitos, alguns até bem complicados. Até que achei um circuitinho BFO que me agradou, de um site inglês.

Em pouco tempo meu detector estava pronto!

Caprichei o máximo que deu na montagem de fim-de-semana e fiz alguns testes escondendo moedas debaixo do tapete da sala e chamando minhas filhas para experimentar. Afinal, se elas conseguissem encontrar as moedas, eu também seria capaz de achar algo na praia...

Olha como ele ficou:


Fininho e leve
Detalhe da caixa e cabo de espuma
Detalhe da bobina


Um pouco tosco, mas ficou super leve e pequeno.

Mas eu fiquei sem coragem de usar, e ficou guardado por longos 5 anos (ou serão 6?), até que este ano (2015) em janeiro, eu estava com muito tempo livre e resolvi testá-lo na praia.

Cheio de vergonha, botei em um saco pra disfarçar e fui bem cedinho aqui na praia do José Menino pra ninguém vir bisbilhotar. Comecei a usar na areia seca, pois não é à prova d'água (que não estava tão seca assim, devido à umidade da noite).

Logo de cara achei uns lacres de latinha e meu primeiro achado importante:


Uma moeda de 5 centavos!! Hurra!!!! Funciona!! 

Meu primeiro achado!

Mas a alegria durou pouco, logo percebi que o BFO (veja a página Conhecendo os Detectores) não é adequado para usar na praia, pois sofre muuuita interferência.
Não sei se é a mineralização da areia, o sal, sei lá... só sei que o bichinho ficava louco de pedra, totalmente instável.

Também não estava preparado para cavar... eu tinha apenas uma escumadeira de fritura, pois achei que seria fácil pegar a areia seca e peneirá-la.  Mas a teoria e a prática são coisas bem diferentes.

Escumadeira de fritura... bom, pelo menos tentei.

Desisti em minha primeira tentativa.... mas não me dei por vencido.

I'll be back, baby!

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário: