sábado, 15 de agosto de 2015

3º Encontro de Detectoristas do Brasil em Santos!


Muito bacana a galera toda lá na praia do Gonzaga!

Eu não participei porque achei sacanagem, não ia ter pra ninguém! Hahahaha

Mas fui lá prestigiar a galera e conhecer o pessoal. Estava bem divertido e o povo é bem animado.

Seguem algumas fotos da parte da manhã na gincana do esquenta.














Agora já sei que ali no Gonzaga não vai dar pra caçar mais... não sobrou nem um lacrezinho!!!



sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Caçada em 14/Agosto - Beluka Quiksilver e Patrick


Hoje eu voltei à caça. Outro dia maravilhoso de sol, mar verde, maré baixa, praia limpa...

Limpa até demais.

Fui no Posto 2 e não tinha nada lá. Só lacre. E bem poucos.

De repente, vejo um cara vindo pela praia com um Garrett Sea Hunter Mark II!!!!! Isso é bem raro por aqui.

E foi a grata surpresa de encontrar e conhecer o Patrick Alcantú de Jundiaí/SP e sua linda família, esposa e filha.

Ele veio à Santos para o encontro dos detectoristas. E eu nem estava sabendo. Também, tanto tempo longe, e nem o facebook eu estava vendo.

Como não consegui encontrar nada ali, voltei um pouco para o Canal 1 e aí sim.... achei um pedaço com alguma coisa!

Começou com um relógio Beluka Quiksilver Canvas Black, ainda funcionando e marcando o horário certo!  Só que no horário de verão!!!
Então deve ter sido perdido antes de 15 de fevereiro, que foi a data da virada do horário.
O vidro tá um pouco embaçado, mas fora isso, em perfeito estado.



Depois saiu um anelzinho de prata e depois algumas moedas, incluindo uma de 20 Cruzeiros de 1986. Devia estar lá há uns 20 anos pelo menos.




Bom, foi legal. Até a próxima!!

Caçada em 13/Agosto - O Retorno


E aí galeraaaaaaa!!   Voltei!!!!

Depois de 3 meses e meio de seca, sem ver a cara do meu PI Polonês, que tava cheio de pó.

Caramba, como isso é bom!  Tava com muita saudade!

Pena que para poder fazer isso eu tenha que ficar sem emprego... kkkkkkkk
Não se pode ter tudo, né?


Bom, eu aproveitei e fui com a nova bobina pequena que o meu amigo Luciano Detectors me arranjou.




Eu queria mesmo uma bobina menor. Primeiro para aumentar a sensibilidade à metais pequenos como correntinhas e anéis e depois porque eu não preciso de profundidade. Se pegar em até 15 cm tá ótimo!

Bom, o resultado de hoje tá aí embaixo.  Não foi grande coisa.
Mas o mar...  ah, o mar. Estava lindo, o dia estava lindo, e eu estava feliz. E isso que importa.